2017: será Regido por Saturno ♄



Todos os anos a Terra é regido por um Planeta, este ano será o Planeta Saturno.

O que diferencia isso para humanidade?

O ano que é regido pelo planeta Saturno é um ano de muita responsabilidade e seriedade, onde todos os obstáculos e pendencias da vida espiritual e pessoal serão resolvidas, será um ano em que é possível se organizar melhor, tanto nas questões pessoais, profissionais e também sentimentais, muitas questões que estavam pendentes serão resolvidas e isso dará estabilidade, quebrando as correntes por questões cármicas, lembrando claro que  os astros irão ajudar se você  se ajudar também....



Nas questões religiosas a Terra será regido pelo Arcanjo Miguel, força e proteção, e espiritualidade..

Assim como também será regido por Oxóssi ( São Sebastião) e Oxum ( Nossa Senhora da Conceição)
Protetores da natureza, das águas, das florestas  e dos animais, são as forças da natureza que regem a proteção do Planeta Terra assim como os seus habitantes...


Num conjunto espiritual de Deus nosso criador,  do Planeta Saturno, dos Orixás, e de um Arcanjo o Universo Cósmico unem forças em 2017,  mas depende de cada um de nós buscarmos a nossa fé interior  naquilo que acreditamos, de nada adianta ter energia cósmica a nosso favor se bloquearmos com nosso pessimismo e negativismo, as forças da natureza, conspiram ao nosso favor sempre, basta ter fé e acreditar nela...

by_____Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ ┊☽✫ VGitana Tsara © Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ ┊☽✫
Respeite os Direitos Autorais
© Todos os Direitos Reservados


Saiba Mais sobre os Planetas Regentes e sobre  Saturno, no texto da Taróloga : Dra. Maria Helena Martins, 

 De 36 em 36 anos vivemos sob o domínio de um planeta e as suas características influenciam esse período. Durante esse ciclo de 36 anos, cada ano será regido por um planeta – o Planeta Regente do Ano – e este dá um tom particular e atribui uma energia particular às nossas vidas durante esse ano.

Desde 1981 vivemos um ciclo que está sob a influência do Sol, o que significa que o brilho pessoal, o egocentrismo, a necessidade de nos afirmarmos no mundo, têm marcado a maior parte desse período.

A partir de 2017, segundo a sequência dos planetas governantes do ciclo, vamos estar sob o domínio de Saturno, o que significa que iremos deparar-nos com atrasos nos nossos planos e um espírito de contenção na economia irá continuar a dominar.

Há muito que o Homem estabeleceu Planetas Regentes de Ciclo e Planetas Regentes do Ano. Segundo os antigos Caldeus, uma tribo que viveu no litoral do Golfo Pérsico e se tornou parte do Império da Babilónia, a atribuição de um planeta regente a um determinado ano, tinha como base ciclos maiores, de 36 anos cada.

A escolha do Planeta regente baseava-se na Estrela dos Magos, uma estrela de sete pontas onde estavam representados o Sol no topo; Vénus e Marte, nas pontas seguintes direita e esquerda; nas pontas mais abaixo Mercúrio e Júpiter; Lua e Saturno nas pontas voltadas para baixo. Nesta estrela estavam representados os planetas visíveis a olho nu.

Os ciclos de 36 anos seguem a seguinte ordem: Saturno, Vénus, Júpiter, Mercúrio, Marte, Lua e Sol. Pela ordem descrita, acredita-se que o primeiro ciclo que durou do ano 1 ao 36 foi governado por Saturno, o segundo correspondeu a Vénus (ano 37 a 72), o terceiro a Júpiter (ano 73 a 108), o quarto a Mercúrio (de 109 a 144), o quinto a Marte (145 a 180), o sexto à Lua (de 181 a 216), o sétimo ao Sol (do ano 217 ao 252). O oitavo ciclo correspondeu novamente a Saturno depois deste, repetiram-se as mesmas regências a cada ciclo de 36 anos.

No século XX, o ciclo de 1909 até 1944 foi regido por Marte, o planeta das lutas e dos conflitos e durante este período ocorreram duas guerras mundiais; o ciclo da Lua começou com a entrada do sol em Carneiro em março de 1945 e estendeu-se até março de 1980. O ciclo do Sol começou em março do ano seguinte, 1981.

O primeiro ano de cada ciclo é governado pelo Regente do Ciclo. Nos anos seguintes, cada ano tem o seu próprio regente.

Como se estabelece o regente do ano?

Cada ano tem o seu próprio regente segundo a seguinte ordem: Saturno, Júpiter, Marte, Sol, Vénus, Mercúrio e Lua.

A influência cíclica do planeta estende-se através de todo o ciclo que dura 36 anos. A influência do planeta regente anual dura apenas um ano. Assim, em 1981 iniciou um ciclo de 36 anos regido pelo Sol, o regente desse ano foi também o Sol. O ano de 1982 foi regido por Vénus; 1983 por Mercúrio e assim sucessivamente.

A seguir saiba quais os planetas e as suas influências no ano que regem

Saiba o que cada planeta representa para o ano que rege e como isso pode influenciar a sua vida.

Saturno - Disciplina, responsabilidade, ética e trabalho árduo

O ano regido pelo planeta Saturno é um ano que traz bastante responsabilidade e seriedade, e todas e quaisquer questões pendentes da sua vida serão resolvidas. É também um ano de concentração e foco, que a levará a planear estratégias que a ajudam a organizar-se melhor tanto a nível pessoal como profissional. A seriedade que empregar na resolução de problemas vai dar-lhe a estabilidade que tanto deseja para a sua vida. O ano de Saturno é por isso propício à reflexão, estruturação de ideias e execução de tarefas que requerem paciência e disciplina. Por outro lado, as pessoas podem ter mais tendência para os estados depressivos.

Júpiter - Otimismo, sucesso, generosidade, alegria de viver

Júpiter é o planeta do crescimento intelectual e espiritual. Um ano regido por este planeta é ideal para expandir horizontes e crescer espiritualmente através, por exemplo, do contacto com outras culturas. É também um bom ano para prosperar nos negócios e investir na formação profissional. O ano de Júpiter é ideal para a expansão de horizontes e para dar largas à imaginação. Contudo, por ser um planeta que favorece a expansão, é necessário ter cuidado com os exageros.

Marte - Energia, assertividade, ação e desejo

Como regente do ano, Marte é um planeta que exerce a sua influência, dando às pessoas, em geral, mais coragem e determinação para se afirmarem e também para se motivarem a si mesmas. Deve aproveitar um ano regido por Marte (2015) para concretizar os seus planos, fazer novas conquistas, aprender a ser mais independente e livrar-se de dependências financeiras ou emocionais. Por ser um planeta ligado à ação e conquista, é natural que destaque em cada pessoa o seu lado mais competitivo e ambicioso, por isso, é necessário ter cuidado pois o excesso de ambição pode gerar desentendimentos.

Vénus - Amor, beleza, prazer e criatividade artística

Vénus é a deusa grega do amor e do prazer. O ano regido por Vénus traz á vida das pessoas muitas questões relacionadas com o amor, afetividade, sexo, prazer e relacionamentos. É o momento ideal para entrar em harmonia com seu eu interior, valorizar sua feminilidade e pôr em evidência a sua beleza natural. É também o momento chave para mostrar a sua criatividade artística e o seu sentido de estética. O ano de Vénus é ideal para os contatos sociais e relacionamentos. Contudo, cuidado com os excessos para não cair em tentações e desilusões.

Mercúrio - Comunicação, inteligência e agilidade

Mercúrio é um planeta que influencia as questões ligadas ao comércio e negócios. Por isso, num ano regido por Mercúrio, há que aproveitar para fazer investimentos, apostar em novos projetos e enveredar por novos caminhos. É também ideal para melhorar a comunicação escrita e falada. É um bom momento para refletir sobre a forma como expressa as suas opiniões e críticas. Procure ser mais leve, pense bem antes de falar. O ano de Mercúrio é excelente para actividades ligadas aos estudos, ensino e aprendizagem em geral. Apenas uma pequena advertência, cuidado com as indiscrições, a má-língua e as mentiras.

Lua - Emoção, família e sensibilidade

A lua e as suas fases influenciaram muitos aspetos da vida quotidiana. Foi a partir das fases da lua que se estabeleceram calendários; as fases da lua interferem nas plantações, marés e gravitação dos planetas. A Lua possui um enorme poder, é responsável por questões ligadas ao lado mais emocional do Homem como: receptividade, passado e família. A Lua rege a nossa capacidade de sentir e de nos sensibilizarmos com o que acontece no mundo que nos rodeia. Um ano regido pela Lua é aquele em que a família e as emoções estarão em destaque. É um bom ano para aumentar a família e celebrar uniões.

Sol - Poder, energia, coragem e paixão

O Sol rege as questões ligadas à inteligência como: liderança, ego, vitalidade, tomada de consciência de si mesmo, criatividade e capacidade de expressão. Num ano regido pelo Sol avizinham-se muitas conquistas, planos e projetos concretizados. Sob a influencia do astro rei, as pessoas sentem-se mais corajosas, com mais capacidade para traçar projetos, dar início a novos empreendimentos sem receio dos obstáculos que possam encontrar pela frente. As pessoas sentem-se também mais propensas ao amor e à paixão. Há que ter cuidado com a tendência para dominar a qualquer custo.

Por: Dra. Maria Helena Martins,
Taróloga  e Cristaloterapeuta,