Os Maias - A Profecia

Em 1999 foram descobertos e registrados no México, as chamadas As 7 Profecias Maias "Los Duenos Del Tiempo". No dia 21 de dezembro de 2012 segundo as profecias maias veremos o nascer da Nova Era. Depois de 3 dias de extrema escuridão veremos no horizonte um Novo Sol e esse trará consigo a força da luz dourada que abastecerá a humanidade com a mais pura energia de amor incondicional pelos próximos 2000 anos..

Primeira Profecia

A 1ª Profecia fala sobre o final do medo. Diz que o nosso mundo de ódio e materialismo terminará no sábado, 22 de dezembro do ano 2012. Neste dia a humanidade deverá escolher entre desaparecer do Planeta como espécie pensante que ameaça destruí-lo ou evoluir para a integração harmônica com todo o Universo. Compreendendo que tudo está vivo e consciente que somos partes desse todo e que podemos existir em uma Era de luz. A 1ª Profecia Maia diz que a partir de 1999 restariam 13 anos, só 13 anos para realizarmos as mudanças de consciência e atitude de que eles nos falam, para que possamos nos desviar do caminho da destruição pelo qual avançamos, para outro que abra nossas consciências e as nossas mentes à nossa integração com o Universo. Os Maias sabiam que o Sol, que chamavam de "Kinich-Ahau", é um ser vivo que respira e que a cada certo tempo sincroniza-se com o enorme organismo que existe (Alcion). Que ao receber uma manifestação de luz do centro da Galáxia brilha mais intensamente produzindo em sua superfície, o que nossos cientistas chamam de erupções solares e mudanças magnéticas. Eles dizem que isso acontece a cada 5.125 anos. Que a Terra se vê afetada pelas mudanças do Sol mediante o deslocamento do seu eixo de rotação. Para os Maias o processo universal, como a respiração da Galáxia, é cíclico e nunca muda. O que muda é a consciência do homem, que passa através deles num processo sempre em direção a perfeição. Com base em suas observações os Maias previram que a partir da data inicial de sua civilização, desde o 4° Ahua, 8° Cumku, isso é 3.113 a.C. 5.125 anos no futuro, ou seja, sábado 22 de dezembro de 2012, o Sol irá receber um forte raio sincronizador proveniente do centro da Galáxia, mudará sua polaridade e produzirá uma gigantesca labareda radiante. Para este dia a humanidade deve estar preparada para atravessar o portal dimensional que os Maias descrevem. Nesse momento,a civilização atual, baseada no medo, passará para uma vibração muito mais alta de harmonia. Só de maneira individual podemos atravessar o portal que permitirá evitar o grande desastre que o Planeta pode sofrer e dar início a uma Nova Era, um 6º ciclo do Sol. Os Maias asseguravam que a sua civilização era a 5ª iluminada pelo Sol (Kinich-Ahau), o 5° grande Ciclo Solar. Que antes haviam existido outras quatro civilizações que foram destruídas por grandes desastres naturais. Achavam que cada civilização é apenas um degrau para ascensão da consciência coletiva da humanidade. Para os Maias no último desastre a civilização teria sido destruída por uma grande inundação, que deixou apenas alguns sobreviventes dos quais eles eram seus descendentes. Pensava que ao conhecer o final desses ciclos, muitos humanos se preparariam para o que vinha e que graças a isso haviam conseguido conservar sobre o Planeta a espécie pensante, o ser humano. Eles nos dizem que a mudança dos tempos permite subir um degrau na evolução da consciência, podendo nos dirigir a uma nova civilização que manifestará maior harmonia e compreensão para todos os seres humanos. A 1ª Profecia Maia nos fala do "tempo do não-tempo", um período de 20 anos chamado "Katún". Os últimos 20 anos desse grande ciclo de 5.125 anos, quer dizer: de 1992 até 2012. Profetizaram que neste tempo manchas do vento solar cada vez mais intensas apareceriam no Sol e que a partir de 1992 a humanidade entraria num último período de grandes aprendizagens, de grandes mudanças. Que nossa própria conduta de depredação e contaminação do Planeta contribuiria para nossa conscientização e nos forçasse a uma nova conduta perante o planeta. A Primeira Profecia diz que essas mudanças irão acontecer para que possamos entender como funciona o Universo e para que avancemos em níveis superiores deixando para trás o materialismo e nos livrando do sofrimento. O livro sagrado Maia CHILAM BALAM diz que no 13° Ahau no final do último Katún (2012), o Itza será arrastado e rodará Tanka. Haverá um tempo em que estarão sumidos na escuridão e depois virão trazendo sinal futuro. Os Homens do Sol, a terra despertará pelo norte e pelo poente, o Itza despertará. A 1ª Profecia anunciou que 7 anos depois do início do 1° katún, ou seja 1999, começaria uma época de escuridão que todos nós enfrentaríamos com nossa própria conduta, disseram que as palavras de seus sacerdotes seriam escutadas por todos nós como orientação para o despertar. Eles falam dessa época como o tempo em que a humanidade entrará no grande salão dos espelhos, uma época de mudanças para que o homem enfrente a si mesmo para fazer com que ele entre no grande salão, veja e analise seu comportamento com ele mesmo, com os demais, com a natureza e com o Planeta onde vive. Uma época para que toda a humanidade por decisão consciente de cada um de nós decida mudar e eliminar o medo e a falta de respeito de todas nossas relações.

Segunda Profecia

A 2ª Profecia anunciou que o comportamento de toda a humanidade mudaria rapidamente a partir do eclipse solar de 11 de agosto de 1999. Naquele dia vimos como um anel de fogo que se recortava contra o céu, foi um eclipse sem precedentes na História pelo alinhamento em cruz cósmico com o centro da terra de quase todos os Planetas do Sistema Solar. Eles nos posicionaram quatro signos do zodíaco que são os signos dos quatro evangelistas, os quatro guardas do trono que protagonizam o Apocalipse segundo São João. Além disso, a sombra que a Lua projetou sobre a Terra atravessou a Europa, passando por Kosovo, depois pelo Oriente Médio, Irã, Iraque e posteriormente dirigindo-se ao Paquistão e a Índia. Com a sua sombra ela parecia prever uma área de conflitos e guerras. Os Maias sustentavam que a partir desse eclipse que o homem perderia facilmente o controle ou então alcançaria sua paz interior e tolerância evitando os conflitos, então viveremos uma época de mudanças, que é a ante-sala de uma Nova Era, a noite fica mais escura antes do amanhecer. O fim dos tempos é uma época de conflitos e de grande aprendizagem, de guerras, separação. A 2ª Profecia Maia indica que a energia que se recebe do centro da Galáxia aumentará e acelerará a vibração em todo o Universo para conduzir a uma maior perfeição. Isso produzirá mudanças físicas no Sol e mudanças psicológicas no ser humano que mudará sua forma de pensar e de sentir. Serão transformadas as formas de relacionamento e de comunicação, os sistemas Econômico-Sociais, de Ordem e Justiça, serão mudadas as convicções religiosas e os valores que aceitamos hoje. O ser humano irá defrontar-se com seus medos e angústias para solucioná-los e assim poderá sincronizar-se com o ritmo do Planeta e do Universo. A humanidade irá se concentrar no seu lado negativo e poderá ver claramente as coisas ruins que estão fazendo, esse é o primeiro passo para mudar de atitude e conseguir a unidade que permite o surgimento de consciência coletiva. Serão incrementados os acontecimentos que nos separam, mas também os que nos unem, criando uma instabilidade emocional, o medo, a agressão, o ódio, as famílias em dissolução, os enfrentamentos por ideologia, religião, modelos de moralidade e nacionalismo. Simultaneamente mais pessoas encontrarão a paz interior, aprenderão a controlar suas emoções, haverá mais respeito, serão mais tolerantes e compreensivas, encontrarão o amor e a unidade. Surgirão homens com altíssimos níveis de energia interna, pessoas com sensibilidade e poderes intuitivos para a salvação. Mas também surgirão farsantes que pretenderão obter lucro econômico à custa do desespero alheio. Ao final do ciclo cada um seria seu próprio juiz, será quando o ser humano entrará no grande salão dos espelhos para analisar tudo o que fez na vida. Ele será classificado pelas qualidades que tenha conseguido desenvolver na vida, sua maneira de agir dia após dia, sua conduta com o semelhante e com o Planeta. Todos irão se posicionar segundo o que são e os que conservam a harmonia entenderão o que aconteceu como um processo de evolução no Universo. Por outro lado, haverá outros que por ambição ou frustração culpará os outros ou a Deus pelo que acontecerá. Os conflitos existirão, mas também darão lugar às circunstâncias de solidariedade e respeito pelo semelhante. Isso significa que o céu e o inferno estarão se manifestando ao mesmo tempo. Na época da mudança dos tempos, todas as opções estarão disponíveis e praticamente sem nenhuma censura, os valores morais estarão mais evidentes que nunca para que cada um se manifeste livremente como realmente é. A 2ª Profecia afirma que se a maioria da população mudar seu comportamento e sincroniza-se com o Planeta, serão neutralizadas as mudanças drásticas que possam vir a acontecer. Devemos estar conscientes de que o ser humano sempre decide seu próprio destino especialmente nesta época. As Profecias são apenas advertências para que tomemos consciência da necessidade de mudanças de rumo para evitar que isso se torne realidade.

Fonte ;Lei da Atracao

Contexto Final VGitana (Na minha opinião se o mundo vai ou não vai acabar em 2012, isso não temos como saber. Nossa vida está em mãos Divinas, mas enquanto aqui vivermos não podemos ignorar de que a vida é passageira. Desse mundo nada se leva, então vamos rever nossas atitudes perante ao próximo e perante ao nosso planeta. Não podemos mudar a realidade dos fatos mas podemos lutar por um Planeta melhor e a compaixão perante uns aos outros é fundamental para a evolução de nosso espírito enquanto aqui vivermos. Dessa vida nada se leva mas levamos para toda eternidade a nossa evolução espiritual.)